INFORMAÇÕES E SERVIÇOS PARA O CIDADÃO
Polícia Militar do Piauí logo
+ Todas as Notícias...
Últimas Galerias de Fotos
GOVERNO DO PIAUÍ ENTREGA 200 NOVAS VIATURAS QUE IRÃO REFORÇAR A SEGURANÇA DO PIAUÍ
GOVERNO DO PIAUÍ ENTREGA 200 NOVAS VIATURAS QUE IRÃO REFORÇAR A SEGURANÇA DO PIAUÍ
 
188 ANOS PMPI
188 ANOS PMPI
SOLENIDADE ALUSIVA AO DIA DE TIRADENTES E ENTREGA DO ESPADIM 2023
SOLENIDADE ALUSIVA AO DIA DE TIRADENTES E ENTREGA DO ESPADIM 2023
 
SOLENIDADE ALUSIVA AOS 11 ANOS DE CPCOM E INAUGURAÇÃO DA GALERIA DOS COMANDANTES
SOLENIDADE ALUSIVA AOS 11 ANOS DE CPCOM E INAUGURAÇÃO DA GALERIA DOS COMANDANTES
+ Mais Galerias de Fotos...
Segurança e saúde: Centro de Assistência Integral à Saúde da PMPI oferece atendimento gratuito
17/01/2024 - 11:43  
  
Twitter 
Google+ 
 Diretoria de Saúde da Polícia Militar do Piauí, através do Centro de Assistência Integral à Saúde (CAIS), chama a atenção, neste Janeiro Branco, para a conscientização e importância acerca dos cuidados da saúde mental e emocional dos agentes de segurança pública. Com uma equipe multiprofissional especializada na área da saúde, diversos serviços são oferecidos de forma gratuita para policiais e até seus familiares. 

Atualmente, o Centro de Assistência conta com atendimentos ambulatoriais em enfermagem, nutrição, assistência social, psicologia, psiquiatria, fisioterapia, além de atividades preventivas de educação em saúde, como pilates e seus clubes de natação e corrida. Segundo a Tenente-Coronel Aparecida Batista, chefe do CAIS, 282 pessoas foram atendidas em 2023 no âmbito da saúde mental, entre profissionais das forças de segurança e familiares. Em todo o sistema do Cais em sua rede de serviços,  576 pessoas foram contempladas no ano passado ao todo. 
Foto_17012024_110130

“Então nós estamos num mês que remete a uma reflexão do autocuidado, principalmente com a saúde mental, o qual é o janeiro branco. Então, eu faço um convite a todos que fazem parte do Sistema de Segurança Pública do Estado do Piauí, que nós estamos aqui de portas abertas para recebê-los a qualquer mês do ano. Mas em janeiro, nós iniciamos justamente essa campanha para que a gente desperte em todos esse autocuidado. Então, conto com a presença de todos que precisarem e aqueles também que tiverem curiosidade em conhecer o quanto é importante a gente ter o autocuidado. O cuidado com a saúde mental, o cuidado com a saúde física, cuidado com os seus membros, com os seus entes queridos. Então, faço convite que a todos os profissionais, bem como os familiares, que venham fazer parte dessa grande família, desse grande Centro de Assistência Integral à Saúde que nós estamos aqui de braços abertos para recebê-los”, destaca Tenente-Coronel Aparecida. 


A psicóloga do Cais, cabo Moniélem Magalhães, pontua que alusão à Campanha Janeiro Branco, é importante que os profissionais procurem esses serviços e acompanhamento especializado, que trabalham tanto no aspecto preventivo quanto no tratamento de desordens emocionais e psicológicas que podem levar ao adoecimento mental, seja a depressão, ansiedade, estresse pós - traumático, transtorno de adaptação, entre outros.

Foto_17012024_120114

“Nesse sentido, e fazendo alusão à Campanha Janeiro Branco, destaca-se que o profissional da Segurança Pública tem o papel social de proteger a população, no entanto, esse público também carece de cuidados que envolvem saúde física e mental, assistência social, ambiental e institucional. É nosso dever contribuir para desmistificar a figura do ‘herói’ que não adoece por ter sido treinado para sempre combater, levando sua mente à exaustão. O policial é um ser humano, possui necessidades e vulnerabilidades como qualquer outra pessoa”, esclarece a profissional. 


Fique atento aos sinais e procure ajuda


A psicóloga destaca ainda a importância se ficar atento aos sinais que o corpo pode apresentar e claro, a procura da ajuda especializada. O principal objetivo do Janeiro Branco é quebrar tabus e estigmas relacionados à saúde mental, estimulando a promoção de uma cultura de prevenção. A campanha busca conscientizar as pessoas sobre a importância de cuidar da mente tanto quanto cuidamos do corpo, promovendo a ideia de que a saúde mental é parte integrante e fundamental do bem-estar geral.

“Portanto, fique atento aos sinais que seu corpo apresenta, tais como: sono, apetite, respiração, entre outros. Priorize momentos de lazer em família e com amigos; faça atividades físicas de forma regular, respeitando seus limites; tenha sua folga do trabalho preservada, use esse momento para descansar. Priorize um ambiente de trabalho harmônico e sensível à coletividade.  Busque técnicas de relaxamento. E por fim, busque ajuda profissional, a fim de que possa falar e ser escutado de forma empática, acolhedora e qualificada, contribuindo para desconstruir os estigmas que envolvem a saúde mental e facilitar o acesso aos serviços oferecidos”, completa Moniélem Magalhães.
Foto_17012024_120114




Histórias de superação


A major Cássia, do Centro de Operações Policiais Militares (COPOM), é uma das profissionais de segurança atendidas pelo CAIS, no pilates. Segundo ela, a atividade a ajudou  a rever meus hábitos de postura, ingestão de água e até alimentares. 


“Percebi mudanças significativas através  da série de exercícios que praticamos nas aulas, pois passei a conhecer meu corpo e meus limites, e a identificar onde poderia superá-los. Melhorando a postura, o equilíbrio e a coordenação. Super indico, a PMPI  o CAIS. Estão de parabéns”, disse. 



Para o tenente-coronel Sérgio, do Corpo de Bombeiros, o atendimento no CAIS contribuiu para que ele tivesse um melhor relacionamento familiar, sendo essencial em sua qualidade de vida. Hoje, ele é um dos defensores dos programas de acolhimento.


“Hoje tenho um melhor relacionamento familiar, espiritual, no trabalho com subordinados, pares e superiores e uma alegria e satisfação. No CAIS PMPI em seu atendimento amigo, acolhedor, desafiador e que me dirigiu a reflexões que já tinha esquecido de fazer, me trouxeram a uma nova estabilidade. Tive alta e sou defensor do programa de acolhimento e trabalho que o CAIS PMPI faz com os pacientes ingressos na clínica. Foi essencial para minha qualidade de vida atual. Meu muito obrigado ao Serviço de Saúde da Polícia Militar do Piauí. Da Divisão de Saúde e do Centro Integrado de Atenção a Saúde dos Militares”, finaliza. 
Foto_17012024_120128

Para agendamento de consultas e esclarecimentos de dúvidas a respeito dos serviços oferecidos, o cais disponibiliza o contato (86) 9  8858-1360 (WhatsApp), além do Instagram @caispmpi.

Polícia Militar do Piauí - Quartel do Comando Geral
Avenida Higino Cunha, nº 1750 Bairro Ilhotas CEP: 64014-220
Telefone: (86)9 9430 4318 (Ouvidoria) - Email: comando@pm.pi.gov.br